Racismo: O fator que estragou o futebol

Decidi fazer essa postagem, em nome de muitos que recebem racismo em troca de jogar futebol...

Bom, como todos já sabem, existem brancos, negros, amarelos, cristãos, judeus, alemães, brasileiros, ingleses, japoneses. Acontece que mesmo dentro do futebol, certas raças e descendências não são respeitadas de forma alguma. Nessa matéria queria citar alguns exemplos, que estão acontecendo no dia-a-dia e ninguém se importa.


Adebayor

O togolês, que recentemente transferiu-se ao Tottenham, o time do qual o blog se trata, à pouco tempo foi agredido verbalmente pelos próprios torcedores dos Spurs, e de seu ex-time, o Arsenal. Não vou citar nomes, mas esses torcedores cantaram falando de sua cor, de sua mãe e de seu pai. Eu me pergunto: Por que será que essas pessoas fazem isso? Ele não fez nada de errado! 
Bom, talvez eles cantem isso pela suposta "traição" que ele fez ao ser emprestado ao time Londrino, ou talvez por não ter marcado gols na vitória por 2-1 do seu então ex-time Arsenal. O que sabemos? É lamentável, ninguém gostaria de ter a mãe, o pai, ou sua etnia julgada desnecessáriamente. A segurança de White Hart Lane, de acordo com o time, vai banir qualquer um que fizer esse tipo de coisa.

 O atacante, que sofre as canções racistas, comemorando um de seus gols



Miroslav Klose

O caso mais recente, alguns dias antes do dérbi della Capitalle, em um jogo, Klose foi vítima de um cartaz com provocações relacionadas ao nazismo. O goleador alemão alegou que se incomoda com o fato, e conversou com a diretoria do clube, dizendo que não ficaria tanto tempo se essas provocações continuassem. Mas volto à me perguntar: É realemente necessário fazer isso com um ídolo ativo do futebol? 
O jogador, sofreu com essa placa por causa de suas origens, que são da Polônia. A placa dizia: "Klose Mit Uns". Traduzindo para o português, quer dizer "Klose está conosco". Mas, apesasr da placa parecer inocente, o "s" de "Uns" está estilizado do estilo que a "SS", um grupo de assassinos contratados por Hitler durante a Segunda Guerra Mundial usava, e ele sabia que era isso que os torcedores pretendiam com esse "s" estilizado.
 Falando de SS, foi ela que matou a maioria dos poloneses durante a invasão alemã que gerou a segunda grande guerra em 1939.